Traitement en cours

Veuillez attendre...

Paramétrages

Paramétrages

Aller à Demande

1. BRPI0621767 - processo e instalação de lingotamento contínuo de produtos metálicos planos

Note: Texte fondé sur des processus automatiques de reconnaissance optique de caractères. Seule la version PDF a une valeur juridique

[ PT ]

REIVINDICAÇÕES

1. Processo de fundição contínua de produtos metálicos planos, no qual se derrama um metal em fusão em uma lingoteira (10), se extrai em contínuo da lingoteira o produto fundido (14) solidificado externamente que se orienta com o auxílio de uma bateria de cilindros de sustentação (22) da zona do resfriamento secundário (12) a jusante dessa lingoteira (10), caracterizado pelo fato de que, a fim de se obter um produto fundido, que apresenta uma estrutura de solidificação majoritariamente de tipo equieixo, se submete esse produto fundido (14) extraído dessa lingoteira (10) a uma mis-tura eletromagnética por campo magnético deslizante que age no nível do segmento zero (20), da zona de resfriamento secundário (12), por meio de pelo menos dois cilindros misturadores pelo menos (24) presentes no meio dessa bateria de cilindros de sustentação (22) e gerando campos magnéticos que deslizam no mesmo sentido.

2. Processo de acordo com a reivindicação 1 , no qual esses dois cilindros misturadores (24) são colocados no mesmo nível, face a face, cada um sobre uma face maior do produto metálico (14).

3. Processo de acordo com a reivindicação 1 , no qual esses dois cilindros misturadores (24) são vizinhos um do outro, lado a lado sobre a mesma face maior do produto metálico (14).

4. Processo de acordo com a reivindicação 1 , no qual se utilizam dois pares de cilindros misturadores (24) agrupados, colocados no mesmo nível, cada um sobre uma face maior do produto metálico (14).

5. Processo de acordo com uma das reivindicações 2 a 4, carac-terizado pelo fato de que o diâmetro D desses cilindros misturadores (24) satisfaz aproximadamente a equação: 2D + e « 3d + 2e, na qual d é o diâmetro desses cilindros de sustentação (22) e é o espaço livre entre dois cilindros consecutivos, e pelo fato de que se modifica esse segmento zero (20), de forma a poder inserir na bateria dos cilindros de sustentação (22) quatro cilindros desse diâmetro D, dos quais pelo menos dois cilindros misturadores e no máximo dois cilindros fictícios, esses quatro cilindros sendo colocados agrupados no mesmo nível, dois sobre cada face maior do produ- 2

to fundido (14).

6. Processo de acordo com uma das reivindicações precedentes, no qual o produto fundido (14) é um aço inoxidável, ou um aço ao silício.

7. Processo de acordo com uma das reivindicações preceden-tes, no qual a posição dos cilindros misturadores (24) no segmento zero (20) é escolhida em função de pelo menos um parâmetro operacional da fundição contínua.

8. Instalação de fundição contínua de produtos metálicos planos, compreendendo uma lingoteira (10) e uma zona de resfriamento secundário (12) formada de segmentos sucessivos constituídos de baterias de cilindros de sustentação, caracterizada pelo fato de que o segmento zero (20) da zona de resfriamento secundário (12) compreender pelo menos dois cilindros misturadores (24).

9. Instalação de acordo com a reivindicação 8, caracterizada pe-lo fato de que esses dois cilindros misturadores (24) serem colocados no mesmo nível, face a face, cada um sobre uma face maior do produto metálico fundido (14).

10. Instalação de acordo com a reivindicação 8, caracterizada pelo fato de que esses dois cilindros misturadores (24) são vizinhos um do outro, lado a lado sobre a mesma face maior do produto metálico fundido (14).

11. Instalação de acordo com a reivindicação 8, caracterizada pela presença de dois pares de cilindros misturadores (24) vizinhos, agrupados, colocados no mesmo nível, cada um sobre uma face maior do produto metálico (14).

12. Instalação de acordo com qualquer uma das reivindicações 9 a 11 , caracterizada pelo fato de que o diâmetro D desses cilindros misturadores (24) satisfaz aproximadamente a equação 2D + e ~ 3d + 2 e, na qual D é o diâmetro de cilindros de sustentação (22) e e é o espaço livre entre dois cilindros, (e sendo sensivelmente o mesmo para os cilindros misturadores (24) e cilindros de sustentação (22)), e pelo fato de que se modifica esse segmento zero (20), de forma a poder inserir na bateria dos cilindros de sus- 3

tentação (22) quatro cilindros desse diâmetro D dos quais pelos menos dois cilindros misturadores e no máximo dois cilindros fictícios, os quatro colocados agrupados no mesmo nível, dois sobre cada face maior do produto metálico (14).

13. Instalação de acordo com a reivindicação 12, caracterizada pelo fato de que pelo menos um conjunto de três cilindros de sustentação (22) situado além e embaixo do grupo dois quatro cilindros com diâmetro D (24, 25) é agrupado, apoiado e fixado sobre um calço intermediário (28) que ele próprio é apoiado sobre a viga principal (29) e fixado de forma desmon-tável, a fim de poder trocar a posição do grupo dos quatro cilindros com diâmetro D (24, 25) com aquela de qualquer um conjunto de três cilindros de sustentação.